Skip to content

16/02/2022 Comunicado de imprensa

SEJE E TOTALENERGIES ASSINAM ACORDO QUE VAI OPERACIONALIZAR A FORMAÇÃO DE MAIS DE 2.500 JOVENS EM CABO DELGADO

A Secretaria de Estado da Juventude e Emprego, através do Instituto de Formação Profissional e Estudos Laborais Alberto Cassimo (IFPELAC) e a TotalEnergies, como operadora do projecto Mozambique LNG, assinaram hoje (17), na Cidade de Pemba, um Memorando de Entendimento relativo à formação profissional de mais de 2.500 jovens em Cabo Delgado. O Memorando foi rubricado pelo Director-geral do IFPELAC, Leo Jamal, e Director-geral da TotalEnergies em Moçambique, Maxime Rabilloud.

A formação destes mais de 2.500 jovens moçambicanos vai abranger as áreas de construção civil, metalomecânica, administração e gestão, turismo e hotelaria, ciências agrárias e outras áreas que potencialmente o mercado venha a ditar. Este memorando demonstra o compromisso da Secretaria de Estado da Juventude e Emprego, através do IFPELAC, e da TotalEnergies e seus parceiros em contribuir para a capacitação de jovens moçambicanos para uma melhor inserção no mercado de trabalho, incluindo no projecto Mozambique LNG.

Dirigindo-se aos presentes, o Governador da Província de Cabo Delgado, Valige Tauabo afirmou que: “Quando se fala de Gás em Moçambique, requer-se que haja quadros formados em diferentes áreas. A TotalEnergies está não apenas a providenciar para se ter quadros formados, mas também para termos quadros que, com o seu conhecimento, vão trabalhar em várias áreas relacionadas com o projecto de gás”.

O Governador da Província de Cabo Delgado não deixou de destacar a acção do extremismo violento, que causou perdas de vidas humanas e destruiu infraestruturas públicas e privadas.

“Nesta situação, os jovens aparecem como principais vítimas. Vítimas por um lado, porque perderam os seus entes queridos, seus afazeres e sobretudo as bases de socialização comunitária e escolar que lhes permitiria a preparação para o seu futuro. Por outro lado, foram vítimas, porque deixaram-se enganar e filiaram-se aos grupos dos terroristas para destruir a sua própria nação e, por conseguinte, destruírem o seu próprio futuro. Não é este futuro que nós queremos para a nossa juventude. Como instituições do Governo, como parceiros de cooperação, como um povo, apregoamos que a nossa juventude assuma os destinos da nação, sendo necessário para tal estar preparada. Estar formada e capacitada para responder com conhecimentos científicos, habilidades técnicas e patriotismo a todas as tarefas que lhe sejam confiadas. Por isso, estamos bastantes felizes com a assinatura deste memorando que visa a formação dos jovens de Cabo Delgado nas áreas de electricidade instaladora, pedreiros, canalização, carpintaria, soldadura, montagem de andaimes e mesmo na formação de personalidade”, destacou.

“Estamos bastantes confiantes nos resultados deste memorando que hoje se assina, pois mais do que ferramentas, habilidades práticas do saber, saber-fazer, e habilidades para a vida, estarão criadas condições para a ocupação profissional da juventude, evitando, assim, situações de desvio de conduta e envolvimento em actividades degenerativas por parte dos jovens”, acrescentou Valige Tauabo.

O Director-geral do IFPELAC, Leo Elias Jamal, afirmou que: “Como IFPELAC, estamos bastante satisfeitos em contribuir, juntos com a TotalEnergies, para que possamos trazer para as nossas comunidades, sobretudo os nossos jovens de Mocímboa da Praia, de Palma, de Pemba e possamos estender as nossas acções para Muidumbe, de forma a dar a estes jovens capacidade e conhecimentos para que possam contribuir para o desenvolvimento e possam, sobretudo, voltar para as suas famílias, voltar às suas origens. Nós queremos que este processo de formação aconteça a partir de Março, portanto este é o nosso compromisso”.

Por seu turno, Maxime Rabilloud, Director-geral da TotalEnergies em Moçambique, afirmou: “A TotalEnergies compromete-se em colocar 1,500.000 Usd (Um milhão e quinhentos mil dólares) para investir, junto com o IFPELAC, na formação dos jovens em Pemba, mas também, logo que possível, em Mocímboa da Praia e Palma. Este esforço de formação é feito para o benefício do Projecto Mozambique LNG e esperamos, nesse sentido, conseguir formar jovens que possam contribuir para o projecto”.

Rabilloud sublinhou, no entanto, que com estas formações “o projecto Mozambique LNG e a TotalEnergies, como operadora do projecto, querem apoiar a formação de jovens para actividades não necessariamente relacionadas com o projecto de gás, mas actividades que vão dar trabalho sustentável para os mesmos, quer seja no ramo da hotelaria, electricidade, biodiversidade, entre outros.”

 

O Diretor Geral TotalEnergies em Moçambique, Maxime Rabilloud (à esquerda) e o Sr. Leo Elias Jamal, Diretor Geral do IFPELAC durante a assinatura do Memorando para formação de 2500 jovens em Cabo Delgado.

Sobre IFPELAC

É uma instituição pública provedora da Formação Profissional e Estudos Laborais, criada em 2016, e tutelada pelo Secretário de Estado da Juventude e Emprego.
O IFPELAC desenvolve as suas actividades em todo território nacional, através de 11 Delegações Provinciais, 25 Centros de Formação Profissional e 28 Unidades Móveis de Formação Profissional. Tem a capacidade total formativa de 25.000 formandos por ano.

Sobre a TotalEnergies em Mozambique

Presente em Moçambique desde 1991, a Companhia actua em dois segmentos: Marketing & Serviços e Pesquisa & Produção. A TotalEnergies Marketing Moҫambique S.A. é um actor importante no mercado de comercialização de produtos petrolíferos, que possui uma rede nacional de estações de serviço, de clientes industriais e de pesquisa, e actividades na área de lubrificantes e logística. A TotalEnergies EP Mozambique Area 1 Limitada, subsidiária detida a 100/% por TotalEnergies, opera o projecto Mozambique LNG com uma participação de 26,5%, juntamente com a ENH Rovuma Área 1, S.A. (15%), Mitsui E&P Mozambique Area1 Limited (20%), ONGC Videsh Rovuma Limited (10%), Beas Rovuma Energy Mozambique Limited (10%), BPRL Ventures Mozambique B.V. (10%), e PTTEP Mozambique Area 1 Limited (8.5%).

Sobre a TotalEnergies

A TotalEnergies é uma empresa multi-energias mundial de produção e comercialização de energias: petróleo e biocombustíveis, gás natural e gases verdes, energias renováveis e electricidade. Os seus 105.000 colaboradores estão comprometidos com uma energia cada vez mais económica, mais limpa, mais fiável e acessível ao maior número de pessoas possível. Presente em mais de 130 países, a TotalEnergies coloca o desenvolvimento sustentável em todas as suas dimensões no centro dos seus projectos e operações para contribuir com o bem-estar das pessoas.

Contactos

Relações com a Imprensa:

Sídio Macuácua - +258 84 23 56 120 [email protected] ou [email protected]Hélder Ossemane - +258 82 323 4200/ 84 075 0008 [email protected]