Skip to content

23/08/2020 Comunicado de imprensa

TOTAL ASSINA ACORDO COM O GOVERNO DE MOÇAMBIQUE RELATIVO À SEGURANÇA DO PROJECTO MOZAMBIQUE LNG

A Total E&P Mozambique Area 1, operadora do projecto Mozambique LNG, anuncia que assinou um novo Memorando de Entendimento com o Governo de Moçambique relativo à segurança das actividades do projecto Mozambique LNG.

Este novo Memorando de Entendimento prevê que uma Força-Tarefa Conjunta garanta a segurança das actividades do projecto Mozambique LNG no local do projecto em Afungi e na área mais vasta de operações do projecto. O projecto Mozambique LNG providenciará apoio logístico à Força-Tarefa Conjunta. O Governo de Moçambique está empenhado em que o pessoal da Força-Tarefa Conjunta actue de acordo com os Princípios Voluntários sobre Segurança e Direitos Humanos (VPSHR).

O memorando demonstra o compromisso do projecto em atingir as suas metas de forma segura, criando oportunidades locais e trazendo benefícios sociais e económicos significativos para a província de Cabo Delgado e para o país.

Sua Excelência o Ministro dos Recursos Minerais e Energia, Ernesto Max Elias Tonela, afirmou: “Estamos orgulhosos em continuar a trabalhar com o projecto Mozambique LNG para garantir que o país beneficie da sua presença. Este Memorando de Entendimento reforça medidas de segurança e esforços para criar um ambiente operacional seguro para parceiros como a Total, que permita o seu investimento contínuo na indústria moçambicana, para pequenas e médias empresas e para as nossas comunidades.”

Ronan Bescond, Director-Geral da Total em Moçambique, afirmou: “Reconhecendo os benefícios que o projecto Mozambique LNG trará para as comunidades locais, o país e todas as partes envolvidas no projecto, a Total e o Governo de Moçambique estão empenhados em assegurar progressos contínuos rumo à entrega bem-sucedida do projecto. Tendo em conta a situação de segurança na província de Cabo Delgado, a nossa prioridade é garantir a segurança dos nossos trabalhadores, muitos dos quais residentes nas comunidades vizinhas,
e das operações do projecto. Em nome dos nossos parceiros da Área 1, agradecemos o apoio providenciado pelo Governo de Moçambique para a entrega segura do projecto.”

A Total E&P Mozambique Area 1, Limitada, uma subsidiária integral da Total, opera o projecto Mozambique LNG com uma participação de 26,5%, juntamente com a ENH Rovuma Área Um, S.A. (15%), Mitsui E&P Mozambique Area1 Limited (20%), ONGC Videsh Rovuma Limited (10%), Beas Rovuma Energy Mozambique Limited (10%), BPRL Ventures Mozambique B.V. (10%), e PTTEP Mozambique Area 1 Limited (8.5%).

Sobre o projecto Mozambique LNG

O projecto Mozambique LNG é o primeiro projecto de GNL em terra do país. O projecto inclui o desenvolvimento dos campos Golfinho e Atum localizados na Área 1 Offshore e a construção de uma fábrica com duas unidades de liquefação com capacidade de 13,1 milhões de toneladas por ano. A Área 1 contém mais de 60 Tcf de recursos de gás, dos quais 18 Tcf serão desenvolvidos com as duas primeiras unidades de liquefação. A Decisão Final de Investimento do projecto Mozambique LNG foi anunciada em 18 de Junho de 2019, e o projecto prevê entrar em produção em 2024.

Sobre a Total Mozambique

Presente em Moçambique há quase 30 anos, a Total Mozambique é um importante interveniente no mercado de produtos petrolíferos downstream - rede de bombas de combustíveis, clientes industriais e mineiros, lubrificantes e logística. A Total tem uma participação de mercado estimada em 14%.

Sobre a Total

A Total é uma grande empresa de energia que produz e comercializa combustíveis, gás natural e electricidade de baixo carbono. Os nossos 100.000 colaboradores estão comprometidos com uma energia melhor, mais económica, mais fiável, mais limpa e acessível para o maior número de pessoas possível. Presente em mais de 130 países, a nossa ambição é tornarmo-nos a maior empresa em energia responsável.

Contactos:

Relações com a Imprensa:
Hélder Ossemane - +258 84 910 1346
[email protected]